Com novo disco, Royal Blood vende mais que Pink Floyd e Top 5 do Reino Unido somado

O Royal Blood lançou na última sexta-feira (30) seu terceiro disco, Typhoons, e ele já está sendo um sucesso de vendas. O duo de rock britânico formada em Brighton em 2013 ja vende mais que o pink floyd e o top 5 do reuni unido somado. O som da banda é uma reminiscência de garage rock e blues rock.

De acordo com a The Official Charts Company (via NME), o novo trabalho da banda britânica está vendendo mais que os outros cinco discos que estão no topo das paradas oficiais de álbuns do Reino Unido juntos. Tudo isso se deve a crescente popularidade da banda, mas também a uma inclusão interessante da estética mais dance em suas músicas agressivas de rock e blues rock. No fim temos uma mix sonoro de agressividade mais um gingado interessante do dance. Resumindo, ficou foda.


Em seu primeiro final de semana após a estreia, o disco alcançou um ótimo número de vendas físicas e de downloads. A produção está superando os novos álbuns da banda The Coral, da jovem cantora Birdy, e também um novo disco ao vivo do Pink Floyd, o ótimo Live At Knebworth 1990, além de uma coletânea em homenagem ao cofundador do Fleetwood Mac, Peter Green.

Sobre o novo disco do Royal Blood

Typhoons se tornará o terceiro álbum consecutivo do Royal Blood em primeiro lugar depois do álbum homônimo de 2014 e How Did We Get So Dark?, de 2017. Outras bandas e artistas que também estão ocupando as dez melhores posições são Gojira em sexto lugar, Teenage Fanclub em sétimo e o disco de estreia da artista girl in red em oitavo.


Como comentamos anteriormente, o novo disco do duo de blues rock mostra um lado muito mais dançante do Royal Blood e vem sendo aclamado pela crítica internacional, ouça aqui.

A banda irá apresentar pessoalmente ao público seu terceiro disco em uma grande turnê planejada para o ano que vem no Reino Unido. O primeiro show está previsto para acontecer em Março, em Bournemouth


Sobre o Royal Blood

Royal Blood é um duo de rock britânico formada em Brighton em 2013. O som da banda é uma reminiscência de garage rock e blues rock. A banda, composta pelo baixista/vocalista Mike Kerr e o baterista Ben Thatcher, foi formada em Worthing, em 2013, e fez seu primeiro show apenas dois dias após o retorno de Kerr para a Inglaterra a partir de seu "trabalho de férias" na Austrália. Durante o verão de 2013, o baterista Matt Helders dos Arctic Monkeys foi visto vestindo uma camisa de apoio à banda (antes do lançamento de seu primeiro single) durante o seu concerto “Glastonbury Festival”, em julho.


A faixa Figure it out, é a que mais sintetizam o som quando a banda tinha nascido. Escute!


  • YouTube
  • Facebook
  • Instagram